Como Receber o Benefício do programa Casa Verde e Amarela

Guia passo a passo “Casa Verde e Amarela”. Sim, o Casa Verde e Amarela liberou, agora você que sonha em ter uma casa ou apto tem a opção de:

  1. Consultar financiamento imobiliário (casa, apto ou lançamento);
  2. Conseguir subsídio do governo para compra de imóvel;
  3. Financiar imóvel da MRV (mediante contrato de compra e venda);
  4. Se inscrever no programa de habitação do governo;
  5. Consultar valor máximo do imóvel;
  6. Sair do aluguel e comprar um imóvel (casa, apto ou lançamento) pagando pouco;
  7. Simular financiamento pela Caixa;
  8. Se inscrever para conseguir casas populares; e outras consultas.
Centenas de imoveis do Casa Verde e Amarela
reprodução internet

Ter a casa própria é desejo de muitas pessoas, e como forma de ajudar e facilitar o acesso a sua própria casa, o Governo Federal criou o programa Minha Casa Minha Vida (que agora é Casa Verde e Amarela).

Que facilita e financia a compra de casas e apartamentos a preços populares.

Para fazer parte do programa os interessados precisam atender a alguns pré-requisitos e fazer o cadastro na prefeitura da sua cidade.

Quer entender tudo sobre o programa e aprender a se inscrever? Continue lendo que vamos ensinar o passo a passo como aproveitar esse programa.

Quem pode participar?

O Casa Verde e Amarela é um dos vários programas da iniciativa caixa habitação, que oferece facilidades para quem quer adquirir um um imóvel próprio.

Qualquer pessoa que tenha renda de até R$ 7.000 por mês pode ter o financiamento de um imóvel pelo Casa Verde e Amarela.

O subsídio do Governo Federal pode chegar até R$ 47.500 reais, de acordo com a faixa de renda que cada um se encontra. Entre os requisitos principais é necessário que:

  • Não tenha imóvel em seu nome ou do cônjuge;
  • Não ter benefícios habitacionais oferecido pelo Governo;
  • Não ter outros financiamentos de imóveis ou material de construção;
  • Ter mais de 18 anos;
  • Renda fixa própria ou da família.

Faixas de rendas

O valor subsidiado pelo Governo Federal varia de acordo com a faixa salarial de cada pessoa. Mas o valor das parcelas do financiamento nunca é mais do que 30% do salário, para que assim não comprometa a renda mensal.

  • Famílias com renda mensal bruta de até R$ 2.400,00:
    Você pode adquirir seu imóvel com taxa de juros nominal de até 4,75% a.a. e, para cotistas2 do FGTS, taxa de 4,25% a.a.
  • Famílias com renda bruta de R$ 2.400,01 até R$ 2.600,00:
    A taxa de juros nominal do seu financiamento pode chegar até 5,25% a.a. e, para cotistas2 do FGTS, taxa de 4,75% a.a.
  • Famílias com renda bruta de R$ 2.600,01 até R$ 3.000,00:
    A taxa de juros nominal do seu financiamento pode chegar até 6% a.a. e, para cotistas2 do FGTS, taxa de 5,50% a.a.
  • Famílias com renda bruta de R$ 3.000,01 até R$ 4.000,00:
    A taxa de juros nominal do seu financiamento pode chegar até 7% a.a. e, para cotistas2 do FGTS, taxa de 6,5% a.a.
  • Famílias com renda bruta de R$ 4.000,01 até R$ 7.000,00:
    Para essas famílias, na aquisição da casa própria, é disponibilizada taxa de juros nominal de 7,66% a.a4 e, para cotistas2 do FGTS, taxa de 7,16% a.a.4.

Como é feita a inscrição

Quem está na faixa 1 de salário, ou seja, até R$ 2.000 reais, pode fazer o cadastro diretamente na prefeitura da sua cidade. Já para as outras faixas salariais o cadastro é feito na Caixa Econômica Federal.

Ao se inscrever é necessário levar os documentos pessoais de quem for o titular do financiamento, além dos documentos do cônjuge e de todos os menores de 18 anos que residam na casa.

Deveres do Casa Verde e Amarela

Quem é contemplado com o financiamento do Casa Verde e Amarela, precisam seguir algumas regras.

Por exemplo, quem atrasar até duas parcelas pode perder a sua casa, mesmo já tendo pago outras parcelas (devido a pandemia, o programa permite que você pause as parcelas no aplicativo da CAIXA).

Além disso, depois de pronto os imóveis é necessário mudar em no máximo 30 dias para não perder o direito àquela casa ou apartamento.

Quem é casado pode fazer um contrato em conjunto com outros membros da família, mas em caso de separação o financiamento deve continuar sendo pago normalmente.

Famílias da Faixa 1 não podem vender seus imóveis enquanto não quitarem todas as parcelas.

Referências

Por favor, aguarde…

0